Busca

 
Banner
Banner
 
Decretos

Decretos - O poder do Verbo na solução de problemas e elevação da alma

Segundo o dicionário decretar significa decidir, declarar, determinar ou ordenar; invocar a presença de Deus, sua Luz, seu poder e proteção, pureza e perfeição.

Decretos são orações ritmadas que invocam uma energia espiritual muito forte. Quando repetimos essas orações construímos reservatórios de energia espiritual, que é usada para produzir mudanças em nossa vida, na vida das pessoas que amamos e na vida do planeta.

Os decretos oferecido como louvor, e em voz alta, ao SENHOR Deus, é a "fervorosa e eficaz prece do justo". Se feito com alegria e amor, fé e esperança na graça de Deus, o suplicante experimenta a transmutação pelo fogo sagrado do Espírito Santo, por meio do qual todo pecado, doença e morte são consumidos. O decreto é o instrumento do alquimista e a técnica para a transmutação e autotranscendência pessoal e planetária.

No entanto, precisamos entender que não temos autoridade para governar as energias do cosmos. Por isso é necessário que façamos nossos pedidos em nome do nosso Santo Cristo Pessoal ou do Santo Cristo Pessoal da pessoa por quem estamos intercedendo, ao mesmo tempo que invocamos o auxílio dos Mestres Ascensos e dos arcanjos.

Os decretos se compõem de três partes: (1) o preâmbulo, (2) o corpo do decreto e (3) um encerramento ou selo.

O preâmbulo de qualquer decreto é como a saudação numa carta – ele diz a quem o decreto é dirigido. Os decretos são feitos em nome da Presença do EU SOU e do Santo Cristo Pessoal. Quando invocamos o nosso Eu Superior, estamos acessando o nosso potencial Divino. Também podemos invocar os Santos Cristos Pessoais de toda a humanidade para reforçar esta ação.

O selo do decreto representa a nossa aceitação de que a nossa “carta” foi recebida no coração de Deus. Ele sela a ação da precipitação que faz com que a luz do Espírito desça de forma tangível à matéria. É o momento em que anunciamos ao universo que o decreto que fizemos se tornará físico na nossa vida.

O selo e o preâmbulo são partes extremamente poderosas do decreto. Portanto, é muito importante incluir ambos quando fazemos os nossos decretos.

O corpo do decreto é uma fórmula cuidadosamente escrita composta de declarações que invocam uma qualidade espiritual com a finalidade de efetuar mudanças positivas na pessoa que está decretando, assim como nas pessoas por quem decretamos. Ele exprime o desejo do indivíduo manifestar cada vez mais sua divindade inata ao pedir a ajuda do Eu Superior e dos Mestres Ascensos. Assim, o corpo do decreto contém o comando da ação da luz no mundo. Quanto mais vezes ele for repetido, maior o seu efeito e mais luz é liberada para realizar a ação pedida.

“Lembrai-vos, muitas coisas podem mudar rapidamente pela alquimia da oração fervorosa. As vossas orações são uma alquimia entre a vossa alma e a vossa Poderosa Presença do EU SOU, intermediada pelo Santo Cristo Pessoal e pelo Espírito Santo.”

“Assim é o decreto Divino e a Ciência da Palavra Falada. E de cada vez que vos dedicais à prática da Ciência da Palavra Falada com alegria e amor, enviando os vossos decretos para o universo, dá-se no vosso ser uma correspondente alquimia de mudança.” 
 
Mestre Ascenso Lanello

 
< voltar